Press "Enter" to skip to content

Especial IR 2020: Governo prorroga prazo de entrega de declaração para 30 de junho

(Foto: Shutterstock)

O Ministério da Economia anunciou nesta quarta-feira (1) que o prazo para entrega das declarações de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2020 foi prorrogado devido à pandemia da covid-19, do dia 30 abril para 30 de junho.

O anúncio foi feito pelo secretário da Receita Federal, José Tostes. Segundo ele, 27% dos contribuintes já entregaram a declaração. “Contribuintes relatam dificuldades de acesso a documentos necessários para declaração do IR, por isso tomamos essa decisão”, disse.

A multa que seria aplicada para quem não entregasse em 30 de abril só será cobrada se o contribuinte estourar o novo prazo, até 23h59 de 30 de junho. Outro prazo que também mudou foi o de entrega das restituições. O primeiro lote estava marcado para 29 de maio, mas isso terá de mudar porque ainda estaremos no período de entrega, em razão desse adiamento.

Tostes anunciou ainda que o governo vai zerar a alíquota do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) que incide sobre operações de crédito por 90 dias e o adiamento do pagamento de tributos federais para empresas.

A desoneração do IOF, segundo o secretário, foi adotada para baratear as linhas de financiamento que estão sendo abertas para reduzir o impacto econômico da pandemia. A medida custará R$ 7 bilhões ao governo.

Foram adiados ainda os pagamentos das contribuições para o PIS/Pasep e a Cofins e da contribuição patronal devidos entre abril e maio. As empresas poderão fazer o recolhimento entre agosto e outubro. “São R$ 80 bilhões que estarão disponíveis nos caixas das empresas.”

Novo prazo

Mesmo tendo mais tempo, lembre-se de quem entrega a declaração primeiro tem maiores chances de receber a restituição antes.

Na semana passada, a Receita Federal também havia adiado a entrega do Imposto de Renda de MEIs (microempreendedores individuais) e empresas no regime de Simples Nacional.

Dúvidas sobre o IR?
Mande sua pergunta pelo e-mail: [email protected]

Leia mais:

Especial IR 2020: quem é obrigado a declarar, quais os documentos necessários e como preparar sua declaração

Especial IR 2020: quais despesas podem ser deduzidas?

Especial IR 2020: onde e como informar financiamentos; é preciso atualizar valores de bens anualmente?

Especial IR 2020: como declarar seus investimentos

Especial IR 2020: quais as principais mudanças e como evitar cair na malha fina

Especial IR 2020: especialista responde perguntas dos leitores #1

Especial IR 2020: especialistas respondem perguntas dos leitores #2

Especial IR 2020: especialistas respondem perguntas dos leitores #3

Especial IR 2020: especialistas respondem perguntas dos leitores #4

Especial IR 2020: dicas para quem vai fazer a declaração pela primeira vez

Especial IR 2020: especialistas respondem perguntas dos leitores #5

Especial IR 2020: especialistas respondem perguntas dos leitores #6

Especial IR 2020: especialistas respondem perguntas dos leitores #7

Especial IR 2020: especialistas respondem perguntas dos leitores #8

Especial IR 2020: especialistas respondem perguntas dos leitores #9