Press "Enter" to skip to content

Novo Índice de Fundos Imobiliários na Bolsa

(Foto: Freepik)

A B3 (B3SA3) anunciou a criação de um novo índice de referência para os Fundos de Investimentos Imobiliários no Brasil.

—> Gostou desta notícia? Receba nosso conteúdo gratuito, todos os dias, em seu e-mail

O novo índice se chamará Ifix L.

O Ifix L será uma seleção dos Fundos mais líquidos dentre os Fundos que já compõem o Ifix original. O Ifix original possui atualmente 81 Fundos em sua composição.

O lançamento oficial ocorrerá no dia 22 de fevereiro, quando a Bolsa divulgará a metodologia completa e, também, a composição inicial.

A composição do Ifix L se dará por meio de um corte em função da liquidez e de uma ponderação relacionada ao valor de mercado dos Fundos. Ou seja, dessa forma, o novo índice será composto principalmente por Fundos maiores e com uma maior quantidade de negócios.

A notícia segue uma tendência que, em nossa análise, vai se popularizar no Brasil no decorrer dos próximos anos. Essa tendência consiste no investimento passivo, ou seja, em uma carteira formada em função de regras determinadas.

 O custo baixo, a rentabilidade, a transparência e os juros baixos serão responsáveis por essa nova tendência em nosso País. No exterior e, principalmente, nos EUA, que já é um mercado maduro, os Fundos de Índices (ETFs) são bem comuns.

Abaixo, encontram-se as 10 maiores posições do Ifix:

(Este conteúdo é fruto de uma parceria entre a Levante Advice e o Mercado News)

Siga o Mercado News no Twitter e no Facebook e assine nossa newsletter para receber notícias diariamente clicando aqui.

Seja o primeiro à comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *