Press "Enter" to skip to content

Perto dos 110 mil, Bolsa opera sem tendência antes de feriado nos EUA

Bolsa fecha em queda de 1,67%, a 121.933 pontos, em realização de lucros (Foto: Espaço B3/Divulgação)

A bolsa brasileira operava em sobe-e-desce nesta quarta-feira (25), oscilando aos 109 mil pontos, em meio à tendência levemente negativa nos mercados externos em razão da cautela de investidores à espera de dados econômicos após o recorde em Wall Street.

Tudo que você precisa saber sobre o mercado, todos os dias, em seu e-mail

Os principais índices europeus e norte-americanos registravam fracas variações antes do feriado de quinta-feira (26) de Ação de Graças nos EUA. Já os preços do petróleo seguiam em alta, refletindo a expectativa de vacinação em massa contra a Covid-19 e a possível extensão nos cortes de produção da Opep+ (Organização dos Países Exportadores de Petróleo, mais aliados).

“A agenda do dia está lotada de eventos tanto aqui, como no exterior, e com capacidade de interferir na tendência de curto prazo, principalmente com o potencial de realizações de lucro. A agenda acumula dados americanos dos próximos dias de feriado, inclusive o PIB do terceiro trimestre e ata da última reunião do Fed”, avalia Alvaro Bandeira, economista-chefe do Modalmais, em nota a clientes.

Por volta de 10h13 (horário de Brasília), o Ibovespa subia 0,10%, aos 109.894 pontos, interrompendo dois pregões seguidos de elevação, embalada pela proximidade de diversas opções de vacina e o retorno do estrangeiro à B3.

Na terça-feira (24), o Índice Bovespa fechou em alta de 2,24%, aos 109.786 pontos, limitando a retração no ano a 5,07%, com avanço de 16,85% acumulado até aqui em novembro. 

Siga o Mercado News no Twitter e no Facebook e assine nossa newsletter para receber notícias diariamente clicando aqui.