Press "Enter" to skip to content

Santos Brasil anuncia follow-on que poderá movimentar R$ 1,3 bilhão

(Foto: Reprodução)

A Santos Brasil (STBP3) anunciou nesta terça-feira (15) que vai realizar uma oferta subsequente (follow-on) de 162,68 milhões de ações. A quantidade inicialmente ofertada poderá ser acrescida de um lote adicional de 35% (67,43 milhões de ações). A companhia já havia divulgado no dia 31 do último mês que vinha estudando a possibilidade de realizar esta oferta.

Desta forma e considerando os preços de fechamento desta segunda-feira a oferta poderá movimentar entre R$ 1,0 bilhão e R$ 1,3 bilhão (em caso de lote adicional) no mercado. O follow-on seguirá as normas da Instrução CVM 476, logo se trata de uma oferta restrita e exclusiva aos i) atuais acionistas e ii) investidores profissionais.

Os recursos levantados na oferta serão utilizados para (i) participar em novos arrendamentos de ativos portuários; (ii) verticalizar e integrar a cadeia logística portuária a partir da plataforma da Santos Brasil Logística (SBLog); (iii) ampliar e consolidar a participação na movimentação brasileira de contêineres; e (iv) fins corporativos diversos.

As datas de corte para participar da oferta são os dias 14 e 21 de setembro. O período de reserva (subscrição) vai do dia 16 ao dia 22 de setembro, com o preço sendo fixado no dia 24 de setembro e as novas ações iniciando as negociações no dia 29 de setembro.

Como a Santos Brasil (STBP3) já havia anunciado a sua intenção de realizar a oferta, acreditamos que haverá pouco impacto no preço das ações (STBP3) no curto prazo, muito embora acreditamos que a captação dos recursos é positiva e tem potencial de geração de valor ao acionista no longo prazo.

Como de praxe, pode haver alguma queda nos preços no curto prazo devido à pressão dos grandes investidores institucionais no follow-on.

Analistas da Levante recomendam que os atuais acionistas participem da oferta (follow on) da Santos Brasil. Por se tratar de uma oferta primária, a participação relativa de cada investidor no capital da companhia será reduzida caso não seja exercido o direito de prioridade. Este ponto costuma ser chamado de “diluição”. A diluição na oferta da Santos Brasil (STBP3) será de 19,5% a 24,7%, em caso de lote adicional.

Os principais catalisadores das ações da Santos Brasil são: retomada das importações, aumento de volume de contêineres e reajuste de preços no Tecon Santos.