Press "Enter" to skip to content

Guide vê ótima relação risco-retorno em ação da Oi; potencial de 57%

A equipe de análise da Guide Investimentos acredita que o patamar atual das ações ordinárias da Oi (OIBR3) oferece uma “ótima relação de risco-retorno”, o que justifica a recomendação de “compra” com preço-alvo de R$ 3 ao fim de 2021 – um potencial de valorização de cerca de 57%.

Na visão dos analistas, os resultados do quarto trimestre da operadora de telefonia mostraram avanço no processo de turnaround, com alta nas receitas do segmento de fibra ótica e adição de novos clientes (mais de 1 milhão em 2020).

    Receba nossos conteúdos!

    E no caso da operação de telefonia móvel, a expectativa é de conclusão da venda até o fim deste ano, o que servirá para ajudar a sanear as dívidas da Oi e viabilizar a saída do processo de recuperação judicial.

    “Mesmo no pior cenário, onde a venda das operações móveis não aconteça, avaliamos que a empresa deva caminhar para o breakeven de suas operações e começar a apresentar geração de caixa operacional positiva a partir de 2022”, afirma o analista da Guide Luis Sales, em relatório.

    Nesta tarde na B3, os papéis da Oi prosseguiam em tendência positiva, subindo 4,23%, a R$ 1,97.